quinta-feira, 17 de outubro de 2013

Uma fiscalização mais rigida, para condutores de taxi lotação já

Sinceramente,com a possibilidade da melhoria do transporte publico não haveria a necessidade desses táxis lotação,em nenhum lugar,a Resolução nº 514/1977 do Contran revoga a utilização desse transporte em todo Brasil.
O que observamos nas ruas é um verdadeiro canibalismo por parte daqueles que operam com esse tipo de transporte,a sua maioria desrespeita as normas vigentes de transito,isso tudo em busca de um passageiro,para compensar a sua viajem,no meio disso fica os outros condutores,que sempre algum tem uma queixa contra os tais lotação,que abusam do direito de dirigir.
O que queremos é uma fiscalização mais intensa da SMTT de São Cristovão e de Aracaju,uma regulação mais rígida para saber quem dirigi esses veículos,se é os proprietários de fato,se é defensores,e se tem algum tipo de documentação que possa responsabilizar por algum ato.
O certo seria acabar com esse tipo de transporte,que só serve a população em horarios que lhe é conviniente,ou alguem vê algum deses lotação circulando em feriados,ou em horarios da noite?
Esse tipo de transporte não segue algumas regras,como parar em pontos especificos,horarios,a facilidade pela falta de fiscalização é tanta que até bandeiras do Eduardo Gomes estão se arriscando em fazer o lotação,e a multa em Aracaju é alta para quem faz esse tipo de transporte sem autorização,podendo chegar a mais de seiscentos reais.
O que queremos é que fiscalizem com rigor a conduta de alguns condutores desse transporte que não respeitam os outros condutores que sejam punidos com notificações pelos fiscais de transito,sejam estaduais,ou municipais,o que não podemos é ficar a mercê de meia dúzia de condutores que tornam ainda mais a Rodovia João Bebe Água perigosa

Nenhum comentário: