quinta-feira, 25 de dezembro de 2014

São Cristóvão, sofrimento sem fim

A cidade vive um sofrimento sem fim, todos sabem disso,agora o pior de tudo é viver aprisionado dentro das suas casas ou comércios.
Regiões da periferia da cidade,é impensável a falta de grade de proteção.
A cidade pede Socorro.

Um comentário:

Neto mat.de construcao ltda. disse...

A populacao do conjunto luiz alves 2,localizado no bairro rosa elze,pede encarecidamente,as autoridades responsaveis,o concerto das ruas,uma vez que a deso,retirou os paralepipados,pra realizar reparos na encanacao,e deixou uma verdadeira bagunca,na localidade!!! Pedimos ainda o calcamento das ruas que nunca sequer passou uma maquina pra amenizar a situacao!!! Olhem por nos sra prefeita,o conjunto e pequeno,com pouco se faz muito por nos.Desde ja,agradecemos a atencao.