sábado, 29 de outubro de 2016

Blog do Claudio Nunes

Oportunidade para quem não teve
Democracia prevalecerá
29/10/2016  02:36


“O jornalismo é o exercício diário da inteligência e a prática cotidiana do caráter.” Cláudio Abramo.
Nunca foi tão fácil escolher numa disputa eleitoral em Aracaju como neste segundo turno eleitoral. Os dois candidatos são bem distintos.
De um lado um candidato que já passou seis anos e nove meses à frente da Prefeitura de Aracaju. E não precisa comentar a administração dele. É só pesquisar o Ibope de 2012 para descobrir que ele saiu com a reprovação de 79% do eleitorado. Algo semelhante ao atual prefeito, João Alves, que chegou aos 84%.
E pesa ainda a Edvaldo o apoio do PT, comandado por Rogério Carvalho e de quebra o PMDB de Eduardo Cunha, que foi cassado e preso. E
ainda criticam o outro candidato pelo apoio de Amorim e André Moura. Parece que não têm espelho em casa.
Com Edvaldo e João está mais do que claro que nos últimos anos Aracaju foi castigada e não teve resolvido os principais problemas que afligem a população.
Já o outro candidato pede apenas uma oportunidade que nunca teve. O eleitorado que está cheio das promessas não cumpridas não tem dificuldade para escolher: o caminho do retorno ao passado ou seguir em frente na esperança de encontrar um gestor de verdade.
E Valadares Filho, se for o escolhido e não cumprir as promessas daqui há quatro anos será reprovado nas urnas, como o povo fez agora com João Alves.
O novo prefeito precisará de coragem para cortar na própria carne, criatividade e gestão para enfrentar a atual crise.
O mais importante neste dia 30 de Outubro é que a democracia mais uma vez vai prevalecer. A maioria do eleitorado escolherá o novo prefeito. E que ele possa realmente olhar para o povo da periferia que pede socorro há 11 anos.

Nenhum comentário: